domingo, 31 de março de 2013


SINOPSE: A história amorosa e inesquecível de uma família em formação e o maravilhoso e neurótico cão que lhes ensinou o que realmente importa na vida.
John e Jenny haviam acabado de se casar. Eles eram jovens e apaixonados, vivendo em uma pequena e perfeita casa e nenhuma preocupação. Jenny queria testar seu talento materno antes de enveredar pelo caminho da gravidez. Ela temia não ter vindo com esse "dom" no DNA, justamente porque matara uma planta por excesso de cuidado: afogando-a. Então, eles decidiram ter um mascote. Vão a uma fazenda, escolhem Marley, ao tomar contato com uma ninhada, porque também ficam encantados com a doçura da mãe, Lily; só depois têm uma rápida visão do pai, Sammy Boy, um cão rabugento, mal-encarado e bagunceiro. Rezam para que Marley tenha puxado à mãe, porém suas "preces" não são atendidas. A vida daquela família nunca mais seria a mesma.
Marley rapidamente cresceu e se tornou um gigantesco e atrapalhado labrador de 44 kg, um cão como nenhum outro. Ele arrebentava portas pr medo de trovões, rompia paredes de compensado, babava nas visitas, apanhava roupas de varais vizinhos, e comia praticamente tudo que via pela frente, incluindo tecidos de sofás e jóias. As escolas de adestramento não funcionaram - Marley foi expulso por ter ridicularizado a treinadora.
Mas, acima de tudo, o coração de Marley era puro. Da mesma forma que de recusava alegremente qualquer limite ao seu comportamento, seu amor e lealdade tabém eram ilimitado. Marley repartia o contentamento do casal em sua primeira gravidez e sua decepção quando sobreveio o aborto. Ele estava lá quando os bebês finalmente chegaram e quando os gritos de uma adolescente de dezessete anos cortaram a noite ao ser esfaqueada. Marley "fechou" uma praia pública e conseguiu arranjar um papel num filme de longa-metragem, sempre conquistando corações ao mesmo tempo em que bagunçava a vida de todo mundo. Por todo esse tempo, ee continuou firme, um modelo de devoção, mesmo quando sua família estava quase enlouquecendo. Eles aprenderam que o amor incondicional pode vir de várias maneiras.

RESENHA: Bom o que falar do livro deste mês do desafio? Maraaavilhosooooooo!!! Simplesmente melhor leitura até agora, única desvantagem foi que inundei minha casa de tanto chorar! Sou uma perfeita como dizem manteiga derretida, mas também não é só pela história do Marley, por que fez reviver memórias dos meus melhores amigos de estimação, sim são dois, Ursinho, um vira-lata  preto  muito bonito não só por que era meu, ele foi meu primeiro animal de estimação, pegamos ele pois minha vizinha estava dando ele para qualquer pessoa na rua, fiquei encantada por ele como Marley ele não fica muito atrás nas travessuras, prontou demais roeu o pé da mesa da cozinha, destruiu a poltrona da sala, sabe parede da casa de cachorro então ele resolveu construir  sua própria janela, fez um buraco enorme, rsrsrs.Mas tudo bem isso significava que ele era saudável, cheio de disposição pela vida, todos adoravámos o nosso "Negô", como Marley ele também compreendia os momentos mais difíceis que seus donos estavam passando até por que ele era muito agarrado com minha mãe, e com seu falecido, ele também sofreu junto conosco, ficou amuado, triste pelos cantos da casa, sentia falta dela, pois era ela que levava ele para passear, dava comida, banho, e passava mais tempo com ele. Com tempo ele voltou ser aquele cachorro travesso, só que agora o cúmplice dele era meu pai, eram inseparáveis, só que veio aquela notícia que ninguém  gosta de receber, achamos que tinha alguma coisa errada com ele, pois ele parou de brincar, ficou muito quieto algo que não acontecia muito, ele estava doente, fizemos tudo que podiamos por ele, ele sofreu bastante, mas faleceu sabendo que sua família estava com ele, ficamos com ele  em todo o seu processo de tratamento. E outro era o Bob, não sei qual era raça dele mais isso não importa, importante era que estava lá sempre por perto, brincalhão, uma figura, e pior que ele nem era nosso cachorro, sim da vizinha, mas nos apegamos a ele. O melhor é que ele  fez a felicidade de toda família, ele vivia atras da gente de um lado para outro, principalmente meu pai, aprontava menos que o Marley e Ursinho, mas era especial da mesma forma, mostrou muito sobre amizade entre pessoas e os bichos como a convivência pode ser boa e saudável. Só que esse amigão também não está mais entre nós, faleceu a três anos, uma perda inreparável.  Se vocês soubesse que enquanto estou aqui escrevendo como estou me desmanchando em lágrimas, mas não de tristeza e sim de alegria de poder compartilhar com vocês este momento tão especial e feliz da minha vida e da minha família. Bom sei que acabei não falando muito sobre o livro, mas posso garantir que ele é uma leitura muito especial, que todos deveriam ler nos ensina o grande valor de uma amizade de pessoas e animais, além de amor incondicional.

O livro possui 302 páginas de muita emoção, mas não sei  se todas as edições tem este capítulo que é O Clube dos Cãos Malvados, neste autor compartilham os melhores momentos vividos por várias pessoas  com seus animais de estimações em vários momentos de suas vidas, são testemunhas de como é  ter este amor incondicional, são relatos verdadeiros de pessoas que escreveram para o autor na época da morte de Marley, para foi  um dos melhores capítulos do livro.

Eu não poderia deixar de mostrar para vocês estas duas figuras que fizeram minha família muito feliz e cada vez mais unida, que nos ensinou as coisas mais simples e de mais valor que é este amor incondicional pela vida dos animais e das pessoas.

Este é o Bob, pessoal muito lindo né!!






quarta-feira, 27 de março de 2013



SINOPSE:  A vida é feita em etapas: primeiro você passou anos indo aos aniversários dos coleguinhas, depois às festas de debutantes. Logo, vieram as formaturas do colegial, os churrascos pela aprovação do vestibular, calouradas. Inevitavelmente, vieram também as formaturas de faculdade.
Até aí tudo normal, todas as pessoas, mais ou menos, vivem essas etapas... Só que , em seguida, começa a inevitável fase dos casamentos - dos outros.
Suas amigas mais velhas te mandam os primeiros convites. Depois uma prima precoce, as amigas da vida inteira, algumas até mais novas. Quando você se dá conta, percebe que você virou exceção num mundo em que a regra é ser feliz atéque a morte os separe...

RESENHA: Bom o que falar deste livro, ele realmente parece um livro de auto-ajuda para pessoas que se consideram bonitonas encalhadas. Eu praticamente  me identifiquei muito com ele, simplesmente pelo fato de ainda está solteira aos 33 anos de idade, já passei por algumas situações parecidas com que foram descritas no livro. A leitura é maravilhosa, a escrita bem feita, fácil compreensão e poderemos considerá-lo quase como um guia pelas  mulheres solteiras, tem até algumas dicas para que nós não possamos cometer os mesmos erros do passado, que futuro seja mais promisso em relação aos relacionamentos. O livro
segunda-feira, 25 de março de 2013
Bom pessoal  já estamos no mês de Março, como todo mês coloco aqui para vocês as resenhas dos livros que li, então este mês li o livro "O Rapto do Garoto de Ouro", mais um livro do escritor Marcos Rey, este ano vocês verão muitas resenhas deste autor e de outros que escreveram para Série Vaga-Lume, como tinha muitos livros deste estilo resolvi colocar em dia estas leituras. Esta resenha vai para os Desafios Realmente Desafiante e para os 50 livros nacionais lido. Este  livro foi escolhido pois eu precisava encontrar um livro que tivesse no título +  de 5  palavras.
Bom vamos ao que interessa realmente!


SINOPSE: O livro narra, a segunda aventura do trio de detetives amadores juvenis criado por Marcos Rey em O Mistério do Cinco Estrelas, Leo, Angela e Gino. A história se passa no bairro Bela Vista (Bexiga), São Paulo, e conta sobre o rapto de um menino (Alfredo), que se tornou um recente astro de Rock conhecido como Garoto de Ouro, e que iria comemorar seu aniversário de 16 anos em uma cantina próxima à sua casa, com os amigos e a família, quanto é raptado. Seu desaparecimento passa então a ser investigado pelo trio de protagonistas e seu chefe Jaimão.

RESENHA: O livro é uma ótima leitura para quem gosta deste estilo de livro que é o suspense. A história gira em torno de um sequestro de um garoto que cantava, O livro possui várias perseguições, suspeitas de quem é o sequestrador isso tudo para  conseguir achá-lo. As investigações são feitas além da polícia pelos três personagens, que por sinal são os meus favoritos, Leo, Angela e Gino, eles procuram descobrir quem sequestrou o Garoto de Ouro era assim que Alfredo era chamado. Não vou poder revelar quem sequestrou , pois senão perde a graça, mas posso garantir que esta leitura tem uma linguagem simples e prazerosa, fácil de ler por isso é indicada para aqueles que estão começando a pegar gosto pelo leitura. até por que ele rapidinho de ler pois só possui 140 páginas.

E  você já leu algum livro desta Série Vaga-Lume??? qual??

Recomendo a leitura!

Beijos, não esqueçam de deixar os comentários sobre a resenha.

@ninh@

 

PROMOÇÕES

Seguidores

PROJETO COM AMOR POR FAVOR SEM FLASH!

BOOK TOUR

BOOK TOUR

BOOK TOUR

Quem sou eu

Tecnologia do Blogger.

Arquivo do blog

FAN PAGE

TWITTER